menu
Prénatal

O que é um plano de parto?

Segundo trimestre

Um plano de parto, ou plano de nascimento, é uma declaração escrita onde se registam os desejos e as expetativas da mãe em relação ao parto e ao nascimento. Ainda não é um costume generalizado, mas já é habitual em vários países europeus como Espanha, Holanda e Inglaterra. A redação deste documento pode ajudar a ganhar confiança no parto, aumentando as hipóteses de ser uma experiência positiva. Um plano de nascimento é uma excelente forma de comunicar com os profissionais de saúde, médicos e obstetras sobre o parto. É também uma oportunidade de concentração exclusiva no momento do parto, de forma calma e racional. Se houver interesse num plano de parto, pode encontrar-se inspiração nos inúmeros exemplos presentesna internet.

Como mencionado antes, pode ser uma orientação importante para os profissionais de saúde, por exemplo, quando a mulher não é totalmente capaz de tomar decisões lúcidas sob efeito de anestesia. O plano de parto fornece informações sobre os desejos da grávida, no caso de uma ausência imprevista do obstetra ou ginecologista habitual. Se surgirem problemas durante o parto, o plano serve essencialmente como guia de referência. Por fim, é também uma segurança para todos os que estão presentes no momento do nascimento, como o parceiro da futura mãe, um membro da família, uma amiga ou amigo.

Como elaborar umplano de nascimento?

Começa-se por tomar notas. Com toda a tranquilidade, aponta-se no papel os desejos e medos, lendo histórias e artigos relacionados para clarificar as ideias. Depois, podes fazer um brainstorming com o teu parceiro (ou outra pessoa) sobre como gostarias de viver o nascimento. Uma sugestão: é sempre boa ideia falar abertamente com o médico ou ginecologista. O plano deve ser realista, com expetativas alcançáveis e instruções que se traduzam em ações praticáveis: é a única forma de começar a elaborar um verdadeiro plano de parto. É melhor limitar o plano a uma página A4, no máximo duas, para que os profissionais de saúde possam verificar rapidamente todos os desejos da parturiente.

Como estruturar umplano de parto? Alguns exemplos

Eis os pontos a ter em mente ao elaborar um plano de parto: em geral, é aconselhável incluir apenas aqueles que se consideram realmente importantes. Em caso de dúvida, podes procurar um exemplo de plano de nascimento já preenchido para poder estruturar um novo da melhor forma.

Que regras seguir para a comunicação?

A mãe deseja ser informada sobre as ações relativas ao parto e envolvida nas decisões? Se não conseguir tomar decisões, quem as pode tomar por ela?

Que perguntas devem ser feitas para escolher o local de parto?

Onde se prefere dar à luz: em casa ou no hospital? Quais são os desejos em relação ao espaço em que se vai dar à luz?

Quais são as perguntas a fazer relativamente ao acompanhamento?

Quem poderá estar presente? As pessoas podem ficar perto ou devem estar afastadas? É possível tirar fotografias e fazer vídeos? E quem está autorizado a fazê-lo?

Quais são as regras a seguir durante o parto?

Como se vai lidar com o trabalho de parto? Em que posição a futura mamã prefere dar à luz? Podem ser dados conselhos sobre este assunto durante o parto?

Qual é o melhor tratamento analgésico?

A mãe quer ou não recorrer a analgésicos? Que tipo de anestesia se deseja? Qual é a opinião relativamente a procedimentos como uma episiotomia ou cesariana? Quem estará presente?

Como gerir o primeiro contacto com o bebé?

A mãe quer pegar no recém-nascido imediatamente? Deseja-se estabelecer com o bebé um contacto pele com pele? Como se desejam passar as primeiras horas após o parto? Quem vai cortar o cordão umbilical? Quem vai vestir o bebé?

Como escolher entre o aleitamento materno e uma fórmula infantil?

A mãe decidiu amamentar e precisa de ajuda? O bebé pode ou não beber fórmula infantil? Em caso de cesariana, a mãe deseja amamentar imediatamente o bebé na sala de operações? É possível fazê-lo no hospital escolhido?

O que fazer com a placenta e o cordão umbilical?

O que fazer com a placenta e o cordão umbilical: guardá-los ou deitá-los fora?

Para nascimento aconselhamos também

Terceiro trimestre Como escolher o melhor monitor de... Terceiro trimestre Cadeiras auto para criança: qual ... Terceiro trimestre Tudo sobre a posição do bebé e a ... Terceiro trimestre Stress na gravidez? Conselhos par...

Artigos mais lidos

Segundo trimestre Dor no ligamento redondo durante ... Segundo trimestre Barriga dura na gravidez: como re... Primeiro trimestre Aborto retido: sintomas e consequ... Primeiro trimestre Como saber se é menino ou menina?...
Está a esperar um bebé?
Entre no mundo BabyTribe, há muitas vantagens à sua espera, para si e para a sua família!
Descubra os conteúdos pensados para si
Cada semana é rica de novidades e conselhos para estar sempre informados e resolver dúvidas e curiosidades.
Venha utilizar muitos instrumentos úteis
Um suporte para viver do melhor modo a gravidez e o primeiro ano
Envolva toda a sua tribo
Mamães, papais, avôs, tios e não só.
<
Descubra os conteúdos pensados para si
Cada semana é rica de novidades e conselhos para estar sempre informados e resolver dúvidas e curiosidades.
Venha utilizar muitos instrumentos úteis
Um suporte para viver do melhor modo a gravidez e o primeiro ano
Envolva toda a sua tribo
Mamães, papais, avôs, tios e não só.
>
E mais, 5€ de desconto* no prenatal.com se baixar a App BabyTribe e entrar!

A senha deve ter pelo menos 6 caráteres, com letras maiúsculas e minúsculas e número

*O vale desconto pode ser usado só uma vez no prenatal.com com um gasto mínimo de 30€. Não cumulável com outros vales desconto ou promoções no mesmo produto. O vale nunca dará direito a troco ou dinheiro.